14.6.16

Um homem preocupado com estilo, como você, não pode deixar de apostar no sapato Oxford

author photo
Adicionando o sapato Oxford ao seu look, seja em eventos casuais ou formais.


Já falei algumas vezes aqui no Noisemaker que chega certo momento da vida que você precisa fazer certos investimentos, principalmente para quem está preocupado com estilo. Mas não são peças que irão durar apenas uma temporada, pois tornaram-se clássicos no guarda roupa masculino. Como é o caso de hoje: sapato Oxford - também conhecidos como Balmoral na Escócia, bal-type nos EUA e Richilieu, na França.

Esse modelo elegante não se sabe bem quando e por quem foi criado - especula-se que possa ter sido na Irlanda e Escócia. Ele tornou-se popular entre os estudantes de Oxford por volta de 1825, graças ao conforto que esse calçado provocava nos pés, diferente das botas que eram usadas naquela época. De lá para os dias atuais o Oxford ganhou outros materiais e cores, mas mantendo sempre sua autenticidade.

CARACTERÍSTICAS DO SAPATO OXFORD:


- Os tornozelos ficam expostos.
- Sua amarração é feita em perfurações no próprio cabedal do calçado.
- Possui de cinco ou até mais furos para passar o cadarço. 
- Um salto baixo.

Como primeiro investimento escolha um bom Oxford na cor preta, pois ele poderá ser usado eventos sociais como casamentos e formaturas - coringa!. Já como uma segunda opção fica os tons de marrom, já que serão um bom calçado para adicionar uma pitada de sofisticação em um look casual – aposte com jeans ou até mesmo com calça chino e um blazer. 


Não deixe de conhecer os sapatos Oxford produzidos à mão e que levam a assinatura da designer Elisa Marchi com sua marca homônima - www.elisamarchi.com


Todo o conteúdo desse post foi escolhido sem nenhum vínculo comercial.

Proxima Proxima
Anterior Anterior

GUIA DE COMO SE VESTIR